quinta-feira , junho 29 2017
Home / Cultura e Artes / Acervo itinerante do Museu Geológico da Bahia desembarca no Parque do Saber

Acervo itinerante do Museu Geológico da Bahia desembarca no Parque do Saber

No salão de exposições do Museu Parque do Saber Dival da Silva Pitombo, 11 fragmentos de meteoritos que compõem o acervo itinerante do Museu Geológico da Bahia chamam atenção do público. Na manhã desta quinta-feira, 1º, o Físico Dr. Marildo Pereira visitou a mostra e conversou com estudantes que também estiveram presentes.

“É muito comum que meteoros atravessem a atmosfera da terra. O interessante é que estes objetos chegam aqui revestidos de substâncias químicas produzidas após explosões de estrelas. Como cobre, amônia e ferro. Por isso, os meteoritos trazem várias informações sobre o início da formação do sistema solar e das características de espaços específicos do universo”, disse o físico.

A estudante de Pedagogia da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS), Fabiana Silva, visitou o Museu para, junto com a sua turma, perceber as potencialidades do Museu no âmbito educacional. “É um espaço interessante que proporciona conhecimento além das salas de aula e que consegue desconstruir o olhar simplista que a gente tem sobre as coisas. Com os meteoritos, por exemplo, acreditava que eram simples pedras vindas do espaço. Mas não é só isso! Agora sei que existe uma complexidade e ciência por trás desses objetos”, revelou.

Segundo o diretor de Difusão Científica da Fundação Cultural Egberto Costa, Basílio Fernandez, que coordena o Museu Parque do Saber, “a exposição faz parte das atividades realizadas em comemoração a Semana Nacional de Museus. “É uma exposição de meteoritos que naturalmente trazem ao nosso planeta de forma espontânea evidências da formação do sistema solar e consequentemente da nossa história”, revelou.