sábado , agosto 19 2017
Home / Curiosidades / Bebê caminha ao nascer e vídeo viraliza na internet

Bebê caminha ao nascer e vídeo viraliza na internet

Um vídeo que está bombando nas redes sociais mostra um bebê brasileiro caminhando, logo depois de nascer.

A imagem mostra a criancinha apoiada pelas axilas nos braços de uma enfermeira, dando passos à frente e surpreendendo a todos que estão na sala de parto: “Gente, ele tá andando! Acabou de nascer…”, espanta-se a mulher que grava a cena. “Ju, vem ver, Ju, que gracinha!”

A enfermeira mostra a cama e aponta: “Ela andou daqui até aqui”, indicando um espaço de cerca de 1 metro.

“Misericórdia… Eu banhando ela aqui e ela se levantando”, conta uma terceira pessoa, que não aparece no vídeo.

Reflexos primitivos
Mas, apesar de toda a empolgação dos que presenciaram o fato, isso é mais comum do que pensa. Chama-se marcha reflexa, integra a lista dos reflexos primitivos dos bebês, desaparece nas primeiras semanas de vida e faz parte dos testes que o pediatra faz com a criança em até sete dias depois do nascimento para checar o bom funcionamento do sistema nervoso.

Saiba quais são outros reflexos comuns, além da marcha reflexa:

Reflexo de Moro: espasmos em que o bebê estica o pesçoço e estende os braços, parecendo tomar um susto, e depois chora. Desaparece nos primeiros meses de vida.

Perioral e sucção: reflexo de sobrevivência que aparece nos bebês mesmo antes do nascimento e ocorre quando os lábios são tocados por alguma coisa. Ainda na barriga da mãe, já se pode ver, pelo ultrassom, o feto chupando os dedos.

Voracidade: o bebê vira o rosto ao ser tocado em alguma região ao redor da boca, como a bochecha, por exemplo, como se estivesse procurando para mamar. É também conhecido como reflexo dos pontos cardeais e some depois de três a quatro meses.

Preensão: o bebê aperta os dedos das mãos e dos pés, tentando “prender” quem o toca nessas partes. E aumenta a força se quem tocou tenta tirar o dedo.

Fuga à asfixia: colocado com a face virada para o colchão, o bebê conseque virar o rosto rapidamente para liberar o nariz e respirar.

Reflexo de Babinski:  o bebê estende o dedão do pé e os outros dedos se separam quando recebe um estímulo tátil suave mas firme na planta do pé.

Reflexo tônico do pescoço: quando a cabeça do recém-nascido, deitado de barriga para cima, é girada para um lado, o braço desse mesmo lado se distancia do corpo com a mão um pouco aberta. O outro braço flexiona e a mão fica fechada. É também chamado de reflexo do esgrimista.

– Reflexo de Galant: ao ter o corpo tocado em um dos lados, com a o bebê deitado de barriga para baixo, ele se curva para o lado estimulado.

– Reflexo de escalar: ao segurar um bebê pelas axilas, com as pernas suspensas, e deixá-lo tocar com o pé uma superfície (de uma mesa ou do chão, por exemplo), ele suspende o pé e flexiona o joelho, como se quisesse “subir”.

Reflexo dos Olhos de boneco: se a cabeça do bebê for rodada de um lado para o outro, ele abre os olhos.