terça-feira , março 19 2019
Home / Destaque / Carlinhos Brown põe bloco na rua com canção veiculada como tema romântico

Carlinhos Brown põe bloco na rua com canção veiculada como tema romântico

Sempre que chega o verão, artistas ligados ao Carnaval da Bahia jogam na rede músicas gravadas com o intuito de fisgar a atenção dos foliões que animam a cidade de Salvador (BA) na estação mais quente do ano.

Claudia Leitte promove Saudade, samba-reggae da autoria da artista com Tatau e Xixinho, gravado com o baticum do grupo Olodum e o rap de Hungria Hip Hop. Daniela Mercury também investe em samba-reggae, Pantera Negra Deusa, composto pela artista em parceria com o filho Gabriel Póvoas para celebrar os 45 anos do bloco afro-baiano Ilê Aiyê.

Já Carlinhos Brown pega mais leve na folia. A aposta do cantor, compositor e percussionista baiano é numa suave versão carnavalesca de O que seria, parceria de Brown com o cantor e compositor paulista Júnior Meirelles.

Com letra bilíngue que incorpora alguns versos em inglês, O que seria é canção harmoniosa, lançada em single em maio e propagada na trilha sonora da novela Segundo sol (TV Globo, 2018) como tema romântico do casal protagonista Beto Falcão (Emilio Dantas) e Luzia (Giovanna Antonelli).

Gravada em fevereiro em estúdio de Salvador (BA), a canção O que seria ganhou cordas orquestradas por Renato Fonseca e captadas em São Petersburgo, na Rússia, em março.

A versão carnavalesca da música preserva as cordas e acentua o toque da percussão, caindo com ênfase em suingue que, a rigor, nem pode ser caracterizado como carnavalesco. O single é mais indicado para quem quer curtir a folia a dois. Carlinhos Brown põe o bloco na rua com leveza.