segunda-feira , outubro 15 2018
Home / Destaque / Com mais de 3 mil casos em 6 meses, balanço da SSP aponta redução de 6,8% no nº de mortes violentas na Bahia

Com mais de 3 mil casos em 6 meses, balanço da SSP aponta redução de 6,8% no nº de mortes violentas na Bahia

A Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) divulgou, na manhã desta quarta-feira (1º), o balanço parcial de crimes violentos do primeiro semestre de 2018. O órgão aponta que houve uma redução de 6,8% dos casos de mortes violentas, com relação ao mesmo período de 2017.

O balanço contabiliza 3.073 mortes na Bahia, sendo 603 em Salvador. Na capital, segundo a SSp, a redção foi de 12,4%, em relação ao ano passado. No último ano foram 3.297 casos, sendo 688 na capital, informou a SSP.

“Sabemos que é um trabalho de longo prazo. As vitórias elas vêm, mas sabendo que ainda há um grande trabalho a ser feito. Esse número apresentado é de todo o estado, número que consideramos alto ainda”, disse secretário de Segurança, Maurício Barbosa.

Os dados apontam que a maior parte das mortes violentas ocorreu no interior do estado, que teve os números fechados em 2.099. A região metropolitana de Salvador contabilizou o menor número dos crimes, com 371 casos.

O secretário pontua, ainda, que, dessas mortes, 70% foram provocadas por disputas de tráfico de drogas. “Temos que confirmar também que o trabalho da polícia vem fazendo a diferença”, ponderou Barbosa.

Os dados de violência contra a mulher também foram divulgados. No balanço da SSP foram contabilizados quatro feminicídios no período correspondente ao primeiro semestre do ano, em Salvador. Nos 6 primeieros meses do ano passado, foram 9 casos. Segundo o órgão, houve redução de 55,5%.

Em relação a ameaças contra mulheres, também houver queda no número de casos. Em 2017 foram registrados 5.043 e, em 2018, 4.578, o que representa uma redução de 9,22%.