terça-feira , junho 19 2018
Home / Cotidiano / Controle acionário da Ebal será transferido em junho para arrematante, mas bens imóveis são do Estado, esclarece SDE

Controle acionário da Ebal será transferido em junho para arrematante, mas bens imóveis são do Estado, esclarece SDE

No próximo dia 5 de junho, o governo do Estado transfere o controle acionário da Empresa Baiana de Alimentos – Ebal, à empresa NGV Empreendimentos e Participações, que arrematou por R$ 15 milhões a participação acionária da Ebal e os fundos de comércio relativos às 49 lojas da Cesta do Povo, além do direito de exploração da marca Cesta do Povo e o Programa Credicesta.
Não foram incluídos na venda, segundo ressaltou o chefe de Gabinete da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), Luiz Gonzaga, os bens imóveis pertencentes ao ativo da Ebal, que foram incorporados ao patrimônio do Estado, sob a gestão da Secretaria da Administração (Saeb).
A titularidade de um dos imóveis da Ebal e, portanto, pertencente ao governo baiano, localizado na Avenida Barros Reis, no bairro do Retiro, foi transferida para a Empresa Gráfica da Bahia (EGBA), que o adquiriu por R$ 8,41 milhões. “Foi uma operação normal entre duas empresas do Estado”, esclarece Gonzaga. “Nenhum imóvel que integra o ativo da Ebal foi vendido para a vencedora do leilão”, explica.