quarta-feira , novembro 21 2018
Home / Destaque / Eleição influenciou estratégias de mais de 80% dos investidores

Eleição influenciou estratégias de mais de 80% dos investidores

A escolha de um novo presidente para o país, cujos desdobramentos provocaram uma verdadeira montanha-russa no mercado financeiro, afetou a estratégia da maioria dos investidores brasileiros. Segundo pesquisa da gestora de recursos americana Legg Mason, para 83% dos investidores, aeleição teve influência moderada (51%) ou alta (32%) em suas aplicações. Apenas 10% afirmaram que o evento teve pouco impacto e 7% não mudaram sua alocação de recursos.

As mudanças norteadas pelas eleições foram muito mais defensivas do que agressivas – ou seja, mais focadas em minimizar perdas do que em turbinar ganhos.

“Foi uma eleição muito polarizada e com elementos novos, como a agregação de mídias sociais”, observa Roberto Teperman, diretor de vendas da Legg Mason. “Com tamanha volatilidade, vimos muitos investidores e gestores diminuindo exposição em Bolsa ou migrando para ações com proteção em dólar.”