segunda-feira , dezembro 11 2017
Home / Destaque / Gestores dos projetos de desenvolvimento rural do Brasil se reúnem em Salvador

Gestores dos projetos de desenvolvimento rural do Brasil se reúnem em Salvador

 

Gestores de projetos de desenvolvimento rural de dez estados brasileiros, financiados pelo Banco Mundial, estão reunidos em Salvador, nesta quarta-feira (29) e quinta-feira (30), para um intercâmbio intitulado Construindo Projetos Sustentáveis. O evento, promovido pelo projeto Bahia Produtiva, executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), tem o objetivo compartilhar boas práticas, dificuldades e soluções encontradas na gestão dos projetos.

Os temas são relacionados ao que há de interesse comum nos projetos, como Monitoramento e Avaliação, Mercados e Políticas Públicas, Plano de Negócios e Assistência Técnica e Apoio à Gestão e estão sendo discutidos pelos representantes do Acre, Tocantins, Ceará, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Paraíba, Maranhão e São Paulo.

O secretário de Desenvolvimento Rural (SDR), Jerônimo Rodrigues, participou da abertura do evento e destacou que a Bahia tem uma singularidade, pois é o estado com a maior quantidade de agricultores familiares do Brasil: “Em nome do governador Rui Costa, estamos recebendo este grupo para fazer um intercâmbio e a expectativa é que possamos beber um da fonte do outro. Estamos em fases distintas do projeto Bahia Produtiva, já lançamos alguns editais e construindo novos e exigimos um conjunto de reflexões para podermos acertar de forma estratégica”.

A gerente do projeto e especialista sênior em Desenvolvimento Rural, Fátima Amazonas, explicou que os projetos que são financiados pelo Banco para o desenvolvimento rural têm alguns aspectos em comum na maioria dos estados e o objetivo, também comum, é o desenvolvimento da agricultura familiar para que esses produtores possam ter acesso ao mercado: “Essa é uma iniciativa que valorizamos e agradecemos ao Governo do Estado em estar recebendo visitantes de outros estados para essa troca de experiências que resulta em um intercâmbio de conhecimentos, experiências e tecnologias”.

Para o diretor-presidente da CAR, Wilson Dias, é preciso organizar, avaliar, monitorar e definir as ações para a execução do projeto. “O caminho pode ser encurtado ouvindo e trocando experiências com outros estados”. Dias ressaltou que o intercâmbio acontece no mesmo período do Bahia Rural Contemporânea, maior evento de valorização da agricultura familiar do país, realizado até o próximo domingo (03), no Parque de Exposições de Salvador, onde os participantes do intercâmbio poderão conferir o resultado de investimentos realizados em cooperativas e associações, pelo Governo do Estado.

Segundo o coordenador do Bahia Produtiva, Fernando Cabral, a intenção é que ao final dos painéis de discussão dos temas, os participantes possam construir instrumentos que permitam a interação dos projetos e a qualificação da execução deles.