quinta-feira , junho 22 2017
Home / Destaque / HDPA recebe acelerador linear do Plano de Expansão da Radioterapia

HDPA recebe acelerador linear do Plano de Expansão da Radioterapia

O Hospital Dom Pedro de Alcântara passa a ser uma das referências em tratamento de radioterapia na Bahia. Na manhã deste sábado, 13, o ministro da Saúde, Ricardo Barros, entregou a estrutura do aparelho acelerador linear do Plano de Expansão da Radioterapia. A solenidade aconteceu na sede da Unacon e contou com as presenças dos ministros Antônio Imbassahy (Secretaria de Governo) e Luislinda Valois (Direitos Humanos). A comitiva do Governo Federal foi recebida na cidade pelo prefeito José Ronaldo de Carvalho.

O acelerador, que é utilizado no tratamento de vários tipos de câncer, possibilitará aumentar o número de atendimentos por mês em 74 municípios da região. O Ministério da Saúde investiu R$ 4,9 milhões na compra do equipamento e construção do bunker (espaço destinado para instalação do aparelho).

O provedor da Santa Casa da Misericórdia, entidade mantenedora do HDPA, agradeceu pelo investimento na unidade. “O ministro é conhecedor das dificuldades enfrentadas pelas Santas Casas em todo o país. Tivemos há alguns anos momentos de bastante dificuldades, mas graças ao provedor interino na época, o prefeito José Ronaldo, foi reaberto o Hospital Dom Pedro. E hoje sinto um grande orgulho em presenciar esse momento”, declarou.

O presidente da Federação das Santas Casas da Bahia, Maurício Dias, ressaltou a importância da parceria das entidades filantrópicas com o SUS. “Temos em Feira de Santana uma unidade com altos números de resolutividade. E mostra o quanto a parceria é importante. As Santas Casas continuam abertas ao SUS”, salientou.

O deputado federal Antônio Brito elogiou a estrutura do HDPA. “A Santa Casa de Feira de Santana está de parabéns pelos seus 138 anos de história e mantendo um atendimento de qualidade a população. E esse é um exemplo de Prefeitura que sabe aproximar a gestão municipal da Santa Casa. O resultado é bastante positivo”, pontuou.

O prefeito José Ronaldo destacou a importância da Santa Casa para a sua vida. “Foi a maior escola da minha vida. Cheguei na década de 70 para ser administrador e anos depois provedor. Enquanto prefeito, fui convocado pela Justiça para ser interventor. Hoje essa unidade atua 99% através do SUS. Atendimentos que antes só eram feitos em Salvador, como cardiologia e oncologia, hoje são feitos aqui”, observou.

O ministro Ricardo Barros parabenizou a gestão da Santa Casa da Misericórdia. “Muitas Santas Casas pelo Brasil passam por dificuldades de gestão. Diferente do que vemos aqui em Feira de Santana. E é um objetivo do Governo Federal continuar financiando os hospitais filantrópicos”, revelou.