quarta-feira , setembro 26 2018
Home / Cotidiano / Marcha Mundial pela conscientização da Endometriose será realizada também em Feira de Santana

Marcha Mundial pela conscientização da Endometriose será realizada também em Feira de Santana

A EndoMarcha, Marcha Mundial pela Conscientização da Endometriose (Million Women March for Endometriosis), acontecerá no dia 24 de março, em mais de 80 países. No Brasil, a marcha acontece em 14 cidades: Belém, Belo Horizonte, Boa Vista, Brasília, Campo Grande, Curitiba, Feira de Santana, Florianópolis, Fortaleza, Londrina, Maringá, Salvador, São Paulo e Rio de Janeiro. A concentração para a marcha será a mesma em todas as regiões: 9h (horário de Brasília). Às 10h, serão iniciadas as caminhadas para conscientização da doença. Para participar, os interessados devem realizar seu cadastro gratuitamente no link: https://goo.gl/Et5DUp

“A marcha é um evento legítimo de reivindicação pelos nossos direitos, pelo diagnóstico precoce e pelo reconhecimento da endometriose como doença social, com a criação de políticas públicas para que o tratamento possa ser realizado pelo SUS”, afirma Caroline Salazar, capitã brasileira da EndoMarcha, jornalista e idealizadora do blog A Endometriose e Eu.

Estima-se que 200 milhões de meninas e mulheres sejam atingidas pela endometriose em todo o mundo. No Brasil, a estimativa é que esse número seja de seis milhões de portadoras da doença crônica. A doença pode apresentar, entre outros sintomas, dor pélvica grave, dor durante a relação sexual, dor ao urinar, na bexiga e nos movimentos intestinais, inchaço, náuseas e vômitos, constipação e diarreia. Além disso, estima-se que 40% das mulheres com endometriose apresentem problemas de infertilidade.

A EndoMarcha foi idealizada nos Estados Unidos pelo Dr. Camram Nezhat, médico especialista e precursor da videolaparoscopia, utilizada no tratamento da doença, e por seus irmãos, Dr. Ceana Nezhat e Dr. Farr Nezhat. O movimento ocorre em março, mundialmente reconhecido como o Mês de Conscientização da Endometriose. “No Brasil, a cada ano essa participação aumenta mais. Em 2014, por exemplo, foram só quatro cidades. Em cinco anos, nós mais que quadruplicamos a EndoMarcha no país”, comemora, com razão. A partir do movimento, leis com foco na conscientização e disseminação de informações sobre a doença já começam a surgir nos estados de Roraima e São Paulo, além da cidade de Campo Grande (MS). “Isso é bom não só para as portadoras, mas também para os médicos, uma vez que faz com que o acesso à informação sobre a endometriose seja maior”, pontua a capitã da EndoMarcha.

Em Feira de Santana, a EndoMarcha será coordenada por Layane Cedraz, digital influencer do ig @mamae6estrelas que é portadora da endometriose, e só descobriu que tinha a doença quando se deparou com a infertilidade. “Era impossível eu não abraçar a causa da EndoMarcha tendo vivido tanta dificuldade em anos de luta para engravidar e conhecer tantas mulheres que estão no mesmo processo que eu, pois uma das principais consequências da endometriose é a infertilidade”, afirma Layane.

Em Feira de Santana, a EndoMarcha, que vai sair do Espaço Cultural Marcus Moraes (Av Getulio Vargas) seguindo para Praça da Prefeitura, tem o apoio da Secretaria de Saúde de Feira de Santana, Lua e Luz, Med Imagem, Laboratório DNA Labvida, Espaço Laser. A Secretaria de Saúde disponibilizará serviços aos participantes com stand na Pça da Prefeitura, e a Espaço Laser Feira de Santana dará cortesia em serviços na clínica. Quem quiser participar pode ir no dia e receberá uma camisa do evento e estudantes universitários da área de saúde receberão certificado de participação com carga horária.

Confira abaixo os locais de concentração da EndoMarcha em cada uma das cidades participantes:

Belém: Praça da República, em frente ao Teatro da Paz

Belo Horizonte: Em frente ao Palácio da Liberdade

Boa Vista: Praça Barreto Leite

Brasília: Parque Bosque do Sudoeste

Campo Grande: Praça Ary Coelho

Curitiba: Boca Maldita

Feira de Santana: Espaço Cultural Marcus Moraes – Av Getúlio Vargas

Florianópolis: Parque de Coqueiros

Fortaleza: Praça do Ferreira

Londrina: Calçadão de Londrina

Maringá: A. T. I do Parque do Ingá

Salvador: Farol da Barra

São Paulo: Vão livre do MASP

Rio de Janeiro: Estação Central – Saída Campo de Santana