domingo , agosto 20 2017
Home / Destaque / Município mantém índices baixos das doenças transmitidas pelo aedes

Município mantém índices baixos das doenças transmitidas pelo aedes

O panorama das arboviroses transmitidas pelo aedes aegypti e as ações da Vigilância Epidemiológica, da Secretaria Municipal de Saúde, foram apresentados no Seminário Interinstitucional Dengue, Chikungunya, Zika e Febre Amarela – Desafios para a Saúde Pública, que acontece nesta quinta-feira, 8.

Em Feira de Santana, conforme o último Boletim Epidemiológico houve uma redução no número de casos novos de dengue, chikungunya e zika vírus, comparando aos anos anteriores. “Isso pode está atribuído à questão das pessoas já terem adquirido a imunidade – uma vez que já tiveram a doença – e as ações de controle e monitoramento desenvolvidos no município”, afirmou a enfermeira referência Maricélia Maia.

Representando a secretária municipal de Saúde Denise Mascarenhas, a diretora da Rede Própria Joana Queiroz afirmou que a SMS tem cumprido o seu papel, através de medidas preventivas. “Por isso, o município tem mantido os índices baixos”, disse acrescentando que, a cada quinze dias, a Viep realiza reuniões de avaliação.

No entanto, a enfermeira Eloisa Bahia chamou a atenção para um leve acréscimo nos casos notificados de Zika.  “A Secretaria de Saúde tem intensificado os trabalhos já realizados para o controle do vetor, somando às ações voltadas para os casos de epizootias, que é a vigilância através do monitoramento e da coleta do material para ser examinado em laboratório”, acrescentou.