terça-feira , junho 27 2017
Home / Destaque / Pequenos blocos esbanjam orgulho e alegria no Circuito Maneca Ferreira

Pequenos blocos esbanjam orgulho e alegria no Circuito Maneca Ferreira


Se engana quem pensa que a Micareta de Feira se faz apenas dos grandes blocos. Pra festa funcionar, só depende de um fator: da alegria livre em todos os aspectos de cada folião. E foi isso que ficou estampado nas faces de cada um dos idosos que marcou presença no Bloco Baile Andante do professor Saulo Rangel.

O Bloco foi formado majoritariamente por pessoas da terceira idade, mas, novamente, se engana quem pensa que a festa deles foi fraca. Muito pelo contrário! Eles esbanjaram muito molejo, alegria, energia, simpatia e estilo. De camisas próprias do bloco a fantasias super extravagantes.

Além, é claro, de proporcionarem a quem lhes assistia, uma linda vista ao contemplá-los e realizarem vários movimentos sincronizados em conjunto sem demonstrar cansaço algum. Apenas felicidade era o que transbordava do grupo.

Outro pequeno gigante nesta última tarde de folia micaretesca foi o Bloco da Capoeira. Com membros completamente vestidos a caráter destilando um pouco da cultura afrodescendente baiana. O grupo, formado por capoeiristas da Associação Ginga Menino, abriu um roda de capoeira no meio do circuito de Micareta e, ali mesmo, com direito a berimbau e cantos tradicionais dessa cultura, gingaram à vontade.

O grupo ainda teve uma baixa numerosa na quantidade de membros presentes hoje. Três ônibus que se deslocariam de outras cidades para participarem do festejo apresentaram problemas e essas pessoas acabaram não podendo comparecer. Mas, mesmo com um grupo pequeno, os capoeiristas fizeram uma bela festa e proporcionaram uma bela homenagem a Mãe Maria Pequena, Mãe de Santo Ialorixá.