sexta-feira , setembro 21 2018
Home / Destaque / PT acusa Rede Bahia de desobedecer Justiça com supostos ataques a Rui e Wagner

PT acusa Rede Bahia de desobedecer Justiça com supostos ataques a Rui e Wagner

A coligação do PT representou contra a Rede Bahia de Televisão e o candidato a governador pelo DEM, José Ronaldo (DEM), por descumprimento de decisão judicial. Segundo a ação impetrada nesta terça-feira (04), “as retransmissoras de TV de propriedade da família Magalhães seguem veiculando inserção comercial proibidas pela Justiça Eleitoral, com ataques a Rui Costa e Jaques Wagner”.

De acordo com a representação, houve “manifesta conduta deliberada de descumprir a decisão e conluio entre o candidato e a emissora”.

Os representantes legais da coligação petista solicitaram a suspensão, por 24 horas, da programação normal de toda a Rede Bahia e o pagamento de multa. “A gravidade da conduta adotada pela TV e o desleal do descumprimento da decisão judicial exige apuração, na medida em que o ato desequilibra o pleito eleitoral, favorecendo o candidato que deveria ter a propaganda suspensa. Mas a Rede Bahia não suspendeu, em claro ato de abuso da liberdade de imprensa. Se espera que os meios de comunicação hajam com imparcialidade para que não desequilibrem a eleição” disse Pedro Scavuzzi, advogado de Rui Costa e Jaques Wagner.