quinta-feira , maio 25 2017
Home / Cotidiano / Satisfação dos passageiros com aeroportos tem melhor nota histórica

Satisfação dos passageiros com aeroportos tem melhor nota histórica

A satisfação geral dos passageiros com os principais aeroportos do país atingiu maior índice desde que a pesquisa começou a ser feita pelo Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil (MT), em 2013. Em uma escala que vai até 5, a nota registrada no primeiro trimestre deste ano foi 4,34.

Na comparação com os resultados do primeiro de trimestre do ano passado, quando a nota foi 4,19, houve um avanço de 4%. A Pesquisa Permanente de Satisfação dos Passageiros ouviu 13,8 mil pessoas nos 15 aeroportos que movimentam 80% do público que viaja de avião no Brasil.

O Aeroporto Internacional Afonso Pena / Curitiba – teve maior média trimestral, com nota 4,73. Em Cuiabá, o Aeroporto Internacional, teve maior evolução, com desempenho 23% melhor na comparação com o primeiro trimestre do ano passado.

Considerando apenas o mês de março, Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, no interior paulista, teve maior nota da história da pesquisa, com 4,96. Na avaliação trimestral, a nota do aeroporto caiu de 4,64, de janeiro a março de 2016, para 4,47 no primeiro trimestre deste ano.

O Aeroporto Internacional de Salvador, com (3,83) foi o único que ficou com nota abaixo de 4, que é a meta definida pela Comissão Nacional de Autoridades Aeroportuárias (Conaero).

Indicadores

A pesquisa é composta por cinco grupos de indicadores, subdivididos em 38 itens, dos quais 76% ficaram com nota acima da meta (4).

O indicador que avalia a satisfação dos passageiros em relação aos serviços públicos recebeu melhor nota, com média de 4,56. O item cordialidade do funcionário da Aduana recebeu 4,62 pontos. O tempo de espera imigração foi o que menos agradou, mas, ainda assim, ficou com média de 4,39.

O serviço das companhias aéreas foi o segundo melhor indicador na avaliação dos passageiros, com média de 4,34. Com destaque para a cordialidade dos funcionários do check-in. A velocidade de restituição de bagagens foi o item com pior nota (4,16).

Os serviços relacionados à infraestrutura aeroportuária tiveram média geral de 4,26. Em relação aos itens que compõem o grupo, o tempo de fila de inspeção de segurança recebeu melhor nota, com 4,50. Os itens com piores resultados, no entanto, foram a disponibilidade de tomadas (3,93) e a qualidade da internet/wi-fi (3,52).

Em relação à disponibilidade de transporte público, os usuários classificaram como 4,01. A pior avaliação ficou com o indicador facilidades ao passageiro, com nota 3,54. O custo-benefício dos produtos de lanchonetes e restaurantes recebeu nota 2,89.