segunda-feira , julho 24 2017
Home / Cidade / Sedeso intensifica cadastros para Bolsa Família

Sedeso intensifica cadastros para Bolsa Família

Famílias com perfil de pobreza ou extrema pobreza estão sendo cadastradas pela Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedeso) para serem inseridas no programa Bolsa Família. A expectativa é de inclusão de cerca de 8 mil beneficiários nos próximos dias, para terem acesso ao benefício no mais curto espaço de tempo possível.

Os esforços adotados pela Sedeso, conforme enfatiza o secretário titular da pasta, Ildes Ferreira, são frutos da preocupação do Governo Municipal em promover a inclusão social e garantir benefícios sociais para quem realmente necessita do amparo.

Para agilizar o cadastro e seleção de candidatos ao benefício social do Bolsa Família, a Sedeso está cadastrando, durante até o próximo mês, em todas as 15 unidades do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) e também na sede do próprio programa, à rua Castro Alves, 1.544, Centro.

A meta é preencher todas as cerca de oito mil vagas remanescentes, abertas depois de revisão no perfil dos beneficiários, realizada por técnicos da Sedeso. Os cortes foram realizados após a constatação de que estas pessoas haviam conquistado melhoria de renda ou estavam recebendo os benefícios indevidamente.

As inscrições estão sendo realizadas em horário de expediente das repartições públicas, das 8h às 12h e das 14h às 17h, de segunda a sexta-feira. Os interessados em participar do programa devem estar enquadrados no perfil de extrema pobreza, apresentando renda per capta de até R$ 70,00 e desde que não façam parte crianças e nem gestantes. Já as famílias com crianças e gestantes são enquadradas como em situação de pobreza e devem apresentar renda per capta de até R$ 170,00.

No ato da inscrição, os candidatos devem se dirigir aos CRAS e a sede do programa Bolsa Família portando carteira de identidade, CPF, carteira profissional, título de eleitor, comprovante de residência e, se for o caso, registro das crianças.