quarta-feira , novembro 21 2018
Home / Destaque / Viviane Araújo conta que tem intensificado os estudos de interpretação para novo desafio na TV

Viviane Araújo conta que tem intensificado os estudos de interpretação para novo desafio na TV

Cada vez mais decidida a se firmar como atriz fez as novelas ‘Império’, em 2014, e ‘Rock Story’, em 2016, e atuou na peça ‘Lili Carabina’, em 2017 , Viviane Araújo, 43 anos, tem intensificado os estudos de interpretação para seu mais novo desafio na TV: uma mulher triste, amargurada, solitária e que, na juventude, foi obrigada a abandonar a filha recém-nascida, Luz (na fase adulta vivida por Marina Ruy Barbosa). Seu maior sonho é reencontrar a menina.

“Quando for ao ar o motivo pelo qual ela largou a filha, o público vai ficar do lado dela, não vai falar que é uma mãe desnaturada”, aposta Viviane, defendendo sua personagem, a misteriosa cabeleireira Neide em ‘O Sétimo Guardião’, novela de Aguinaldo Silva que estreia dia 12 de novembro, na Globo.

“Tive que emagrecer. Perdi aproximadamente uns dois ou três quilos para a novela. Não queria ficar tão pesada, nem muito forte. A Neide não tem que parecer malhada. Continuo na academia, mas não no ritmo de preparação para o Carnaval”, explica ela.

Sobre a folia de 2019, a rainha de bateria do Salgueiro conta que o enredo será sobre Xangô. “O enredo é lindo e fala sobre justiça. Já sei o que vou representar na avenida. Mais para frente eu falo”, desconversa, aos risos.

MARINA RUY BARBOSA

Ao falar da colega de elenco, Marina Ruy Barbosa, Viviane diz que ainda não contracenou com a ruiva. “As duas personagens não sabem se são mãe e filha e se a garota é realmente a filha que Neide está procurando. A Marina é uma fofa. Já cruzamos várias vezes. Acho ela uma menina incrível, uma estrela mesmo, um talento enorme, que tem uma linda estrada pela frente”, resume.

MATERNIDADE

Esta é a segunda vez que Viviane faz papel de mãe na TV. Antes, em ‘Rock Story’, ela tinha dois filhos adolescentes. “Tenho muito desejo, sim (de ser mãe), mas não fico nessa pressão. Vou ser de uma forma ou de outra. Quero tentar ter um filho meu”, conta ela.

Um dos motivos para que ainda não ter tido herdeiros é o fato de que nos últimos anos emendou diversos trabalhos. “Não tenho parado para pensar nisso e nem tido tempo nisso para me de dedicar a ser a mãe que gostaria. Estou crescendo na minha profissão, mas esse desejo (de ser mãe) existe”, explica ela, que está solteira.

CONSELHEIRA AMOROSA

Com mais 6,5 milhões de seguidores só no Instagram, Viviane conta que, quando o assunto é o coração, ela aprendeu como proceder. “Hoje em dia, penso diferente, prefiro preservar mais a minha vida pessoal. Acho mais prudente assim”, afirma ela, que para seus seguidores até atua de uma certa forma de conselheira amorosa.

“Recebo mensagens de mulheres que desabafam sobre relacionamento. Uma vez, uma menina falou: ‘Meu marido me largou, me ajuda sair dessa?’ Eu disse: ‘É difícil, se tiver que se afundar de chorar, vai fundo. Mas te falo uma coisa, uma hora vai passar, não é para sempre. Vai ver que aquilo ali se foi e que você tem uma vida inteira para viver'”, lembra.

O que você menos gosta da fama? “Nossa, realmente da cobrança. De algumas pessoas sempre acharem que só por você ser artista tem que estar impecável, acordar diva, sem olheiras, ou estar sempre maquiada”, frisa.