domingo , agosto 18 2019
Home / Cidade / Mais de 140 casos de picadas de escorpião são registrados em cinco meses em Feira

Mais de 140 casos de picadas de escorpião são registrados em cinco meses em Feira

Mais de 140 casos de picadas de escorpião foram registrados nos cinco primeiros meses de 2019 na cidade de Feira de Santana, a 100 quilômetros de Salvador. A informação foi divulgada pela Secretaria Municipal de Saúde.

De acordo com informações do órgão, foram registrados 479 casos em 2018. A única unidade referência no município é o Hospital Geral Clériston Andrade.

Sueli Castro foi picada nos pescoço por um escorpião quando colocava uma criança em cima da cama, em um apartamento no condomínio Iguatemi 3, que fica no bairro Mangabeira. O animal estava escondido dentro do lençol.

“O escorpião veio no lençol de um menino que eu estava tomando conta. Fui logo medicada, não tomei o soro porque o médico disse que não precisava tomar o soro, mas eu tomei o medicamento na veia”, disse a artesã Sueli Castro.

A bióloga Manuela Miranda informou que os maiores fatores para o aparecimento dos animais é a questão climática e a higiene.

“O aparecimento dos escorpiões se dá principalmente por questões climáticas. Esse período quente, com resfriamento, algumas chuvas favorecem o aparecimento. Mas o que a gente pode analisar no ambiente é a questão da higiene. Quando a gente trabalha com a higiene, a gente afugenta as baratas”.

O condomínio onde Sueli mora está localizado no meio de uma mata. A dona de casa, Joanice Santos, disse que precisou redobrar os cuidados domésticos após aparecer os casos na região.

“Eu tenho sacudido as roupas quando pego lá fora [varanda], quando a gente vai usar sapatos a gente tem cuidado e temos que ficar limpando. Até remédio de baratas estamos usando para tentar evitar [picadas de escorpião]”, contou Joanice Santos.

Fonte: G1