sexta-feira , novembro 22 2019
Home / Destaque / PM realiza curso de formação para operadores com cães

PM realiza curso de formação para operadores com cães

A quarta edição do Curso de Operações com Cães do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq) da PM foi iniciada, na manhã desta segunda-feira (8), com aula inaugural realizada no auditório do Centro de Operações e Inteligência da Secretaria da Segurança Pública (Centro Administrativo da Bahia). A capacitação terá duração de cinco semanas, com turma composta por 41 alunos, que ao final estarão prontos para operar em ações policiais. Quarenta cães do BPChq serão utilizados no curso.

A comandante da Companhia de Operações com Cães e instrutora chefe, capitã Samanta Lacerda, falou sobre a importância dessa ferramenta para a segurança. “Não atuamos sem eles, hoje as vistorias de explosivos mundiais não são aceitas sem a passagem do faro do cão” ressaltou.

O sargento PM Lilcone Vigas que é aluno do curso destacou a sua paixão por cães. “Eu esperava muito tempo por essa capacitação, pois já atuo no canil do Choque, agora que tive a oportunidade espero ficar entre os melhores”, afirmou o praça. A aula inaugural foi ministrada pelo coronel Humberto Costa Sturaro, comandante de Policiamento Regional da Capital (CPRC/BTS). Na oportunidade ele mostrou a responsabilidade que os policiais terão após se formarem. “Teremos mais pessoas preparadas para adestrar cães nas atividades de riscos, então a população e o estado ganha muito com esse curso”, frisou o oficial.

Além dos 31 PMs baianos, participaram também da capacitação dez reapresentantes das Forças Armadas (Aeronáutica e Exército), além de Guarda Municipal, um agente penitenciário do estado do Piauí, um soldado PM da Paraíba e um cabo PM de Tocantins. O comandante do Batalhão de Choque, tenente-coronel Sérgio Freire, ressaltou que é necessário especializar esses policias para melhor servir a sociedade. “Esse curso abordará diversas atividades que auxiliarão na condução e ações com cães, prestando um melhor serviço para a sociedade”, finalizou o tenente-coronel.